Data: 08/09/2021 Tags: Brasil | Política | Interdição | Rodovias | 7 de Setembro

Presidente Bolsonaro pediu para que os caminhoneiros liberem as rodovias

Imagem da internet (divulgação)

Caminhoneiros bloqueiam rodovias federais de 15 estados brasileiros, como Bahia, Mato Grosso (foto) e Pará. Segundo o Ministério da Infraestrutura, a Polícia Federal conseguiu dispersar, nesta madrugada, os bloqueios montados pelos motoristas em Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Ainda de acordo com a Pasta, a polícia flagrou caminhoneiros fazendo abordagens para convencer mais motoristas a aderirem à manifestação.

Em uma mensagem de áudio gravada nesta quarta, o presidente Jair Bolsonaro ressaltou que a interrupção do trânsito prejudica a economia.

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, gravou um vídeo confirmando a veracidade do áudio e reforçando a orientação do presidente.

Os caminhoneiros protestam, entre outras coisas, contra as disparadas recorrentes nos preços dos combustíveis em todo o país.

Principais pontos de bloqueio


A rodovia Régis Bittencourt está totalmente bloqueada no km 280, na região de Embu das Artes, em São Paulo. O tráfego é desviado para o acesso do município de Embu das Artes.

A rodovia Anhanguera está interditada nos dois sentidos, próximo a Limeira na pista expressa. O protesto ocorre na altura do km 148, já no interior de São Paulo.

Em Minas Gerais, a rodovia Fernão Dias tem bloqueio, no km 513, região de Igarapé.
Imagem da internet (divulgação)

Pix terá medidas de segurança para coibir sequestros e roubos

O aumento de casos de sequestros relâmpago e de roubos relacionados ao Pix fez o Banco Central (BC) introduzir medidas de segurança no sistema instantâneo de pagamentos. As alterações divulgadas em 27/08 também afetam outras modalidades de pagamento eletrônico, como a Transferência Eletrônica Disponível (TED), cartões de débito e transferências entre contas de um mesmo banco.

Imagem da internet (divulgação)

Campanha "Vacina Sim" avança e foca em imunização total

A partir de 13/09, a campanha "Vacina Sim" entra em nova fase. O consórcio de veículos de imprensa, artistas, apresentadores e anônimos se unem para levar uma mensagem sobre a importância da imunização completa contra a covid, com duas doses e para toda a população.