Data: 16/09/2021 Tags: Brasil | Artistas | Paolla Oliveira | Vítima | Fake news

Famosos manifestam apoio a Paolla Oliveira após atriz ser vítima de fake news

Imagem da internet (divulgação)

Mensagem falsa diz que Paolla Oliveira declarou para a revista "Caras" que prostituição será única forma de sobrevivência de atrizes caso o presidente Jair Bolsonaro seja reeleito. Paolla e publicação desmentiram boato.

Julia Lemmertz, Monica Iozzi, Mariana Ximenes e outros artistas manifestaram apoio a Paolla Oliveira após a atriz ser vítima de uma fake news.

Segundo uma falsa publicação que circula nas redes sociais, a atriz teria declarado que "a prostituição será a única forma de sobrevivência das atrizes da Globo caso Bolsonaro seja reeleito".

Na noite desta quarta-feira (15/09), Paolla usou as redes sociais para declarar que a declaração nunca foi dada. É fake!

"É mentira e é tão óbvio que é mentira. Primeiro que você nunca vai encontrar essa declaração minha falando sobre esse assunto, porque eu simplesmente nunca diria isso, envolvendo uma empresa e outras colegas e profissionais, inclusive. Não tem sentido. Pode jogar palavra por palavra no Google e não encontrará nada, além da mentira plantada", desabafou.

Solidariedade


Nos comentários do post, artistas manifestaram apoio à atriz.

Alguns artistas, como Reynaldo Gianecchini, Astrid Fontenelle, Paloma Bernardi, Débora Falabella, Sergio Guizé́ optaram por usar emojis de coração, força e palmas para prestar solidariedade. Enquanto outros postaram depoimentos e desabafos sobre o assunto.

Monica Iozzi, atriz: "Aff, Maria! Esse povo tá sem limite e não tem critério, né? Que merda de história é essa? Gente doente."

Julia Lemmertz, atriz: "Gente… a que ponto chegaram. Que vergonha, que tristeza. Que tempos esses. Sinto muito, querida."

Mariana Ximenes, atriz: "É isso, querida! Que tempos são esses… Paolla, tô contigo. Sabemos do seu caráter."

Claudia Raia, atriz: "Muito bem, Kukla. Que absurdo."

Narjara Turetta, atriz: "Você é maravilhosa, maravilhosa, maravilhosa, maravilhosa, querida."

Elisa Lucinda, atriz: "Que absurdo. Eles não têm limites."

A revista "Caras" publicou uma nota afirmando que "Paolla nunca deu tal entrevista". E reforçou que a sua editora "não compactuam com a divulgação e a disseminação de fake news".
Imagem da internet (divulgação)

Pix terá medidas de segurança para coibir sequestros e roubos

O aumento de casos de sequestros relâmpago e de roubos relacionados ao Pix fez o Banco Central (BC) introduzir medidas de segurança no sistema instantâneo de pagamentos. As alterações divulgadas em 27/08 também afetam outras modalidades de pagamento eletrônico, como a Transferência Eletrônica Disponível (TED), cartões de débito e transferências entre contas de um mesmo banco.

Imagem da internet (divulgação)

Emissoras e classe artística erram ao promover o abuso de álcool

Em reality shows como "A Fazenda" e "Big Brother Brasil", um dos momentos mais aguardados pelos competidores e que mais rendem à edição é a festa regada a bebidas alcoólicas. Em "lives" de sertanejos, o álcool também ocasiona grandes catástrofes à imagem do artista e de seu patrocinador. Há sempre quem exagera na dose.

Imagem da internet (divulgação)

CNBB pede punição a deputado do PSL que ofendeu o papa e bispo de Aparecida

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) encaminhou uma carta ao presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, o deputado estadual Carlão Pignatari, exigindo punição ao deputado estadual Frederico D'Avila (PSL) por ter atacado a instituição e outras figuras religiosas.